equipamentos de automacao comercial para atendimento mobile em restaurantes

Equipamentos de Automação Comercial: Atendimento Mobile

Os equipamentos necessários para automatizar o seu negócio dependem da estrutura operacional dele. Para um bar, restaurante, ou casa noturna, a necessidade de alguns equipamentos acaba diminuindo, enquanto a de outros aumenta.

 

Se o seu negócio for um bar ou casa noturna que vive lotado, pode ser que instalar totens acabe cortando os custos fixos de ter mais funcionários atendendo os clientes e fechando as contas.

 

Para restaurantes, equipamentos de automação comercial voltados ao atendimento ao cliente são mais comuns! Por exemplo, telas de produção, terminais de atendimento, e o sistema de pagamentos TEF são encontrados em diversos estabelecimentos.

 

Como esses equipamentos de automação comercial já existem há um tempo, a tecnologia já barateou muito. Eles são para o negócio o que um painel solar é para uma casa. Mesmo precisando ter um investimento inicial separado para cobrir o custo do equipamento, a economia e acesso à informação ao longo dos meses acaba valendo a pena.

 

Mas, agora que já estamos na mesma página, vou mostrar para vocês alguns desses equipamentos de automação comercial. Cada semana eu vou trazer um equipamento diferente, então fiquem atentos!

equipamentos de automação comercial para restaurante, como terminal ou terminais de atendimento para otimizar o processo de atendimento do cliente

Atendimento Mobile

 

Realizar os pedidos por mobile ajuda a descentralizar o atendimento como um todo. O dispositivo mobile foi feito para dar mais liberdade e agilidade para os funcionários, não precisando voltar a uma central de atendimento para lançar os pedidos anotados.

 

No entanto, os dispositivos mobile precisam ser recarregados sempre que acabar a bateria. Caso eles não sejam postos em seus pontos de energia no final do expediente, eles não vão estar prontos para uso no dia seguinte. Como em todos os dispositivos dessa natureza, com o decorrer do tempo a bateria do equipamento acaba viciando, carregando menos do que na primeira vez. Por isso, busque ficar atento ao tempo operacional dos dispositivos para saber quando pedir outros, e assim não prejudicar a sua operação.

 

Os dispositivos mobile também precisam de sinal de internet confiável, por todo o estabelecimento. Por serem wireless, eles conseguem se conectar à rede wi-fi do estabelecimento e não precisam de cabo, mas isso significa que o sinal de internet dentro do seu negócio vai precisar ser o mais forte possível, em todos os cantos. Isso vai evitar com que os pedidos apareçam incompletos, ou até mesmo repetidos.

 

Essas falhas acontecem por dois motivos: muitas pessoas conectadas à mesma rede, e sinal de internet fraco. Mesmo se você tiver o melhor plano de internet de todos os tempos, se você não separar uma rede apenas para o sistema de automação comercial, a quantidade de clientes conectados vai atrapalhar a sua operação. Isso acontece porque cada vez que você mexe em qualquer aplicativo, o teu celular envia um pacote de dados com um “pedido” à base de dados que possui a informação que você está tentando acessar. No caso da automação comercial, esse pacote pode chegar incompleto à central devido ao número de “pedidos” sendo feitos ao mesmo tempo.

 

Sem contar que hoje em dia novas tecnologias acabam melhorando produtos que já existiam no mercado. No caso do atendimento mobile, são os leitores de cartão que se “acoplam” ao celular, usando o sinal de internet dele para realizar uma cobrança online.

 

Esses equipamentos costumam usar a tecnologia TEF para otimizar o atendimento, fazendo o usuário cadastrar as diferentes adquirentes que usa para cada bandeira, e as taxas que ele paga por transação de acordo com o banco. Por causa dessa etapa de configuração, o sistema acaba assegurando que as taxas estejam sendo retidas corretamente pelas adquirentes. A margem de lucro, por outro lado, acaba sendo sempre a maior, pelo sistema passar o cartão sempre pela adquirente com as menores taxas para a bandeira dele.

garcon
Paulo Gregorin
Paulo Gregorin

Estrategista de Marketing Inbound e criador de conteúdo para OZ Technology, formado em Comunicação Social e especializado em Inovação Tecnológica pela universidade de Stanford. Geek nato incorporado em um amante da cultura, informação e artes em todas as suas formas, acredito na proliferação de boas idéias através da comunicação.